quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Do Androids Dream of Eletric Philip K. Dick (ou o andróide perdido de PKD)


Philip Kindred Dick foi trazido de volta ao nosso convívio no corpo de um andróide interativo.

Parece, por si só, o enredo de um conto do próprio PKD.




Uma equipe de roboticistas, cientistas da computação, designers e fãs de Ficção Científica, construiram em um esforço conjunto, um andróide para demonstrações baseado na figura do genial autor de FC.

O projeto foi uma colaboração entre a Hanson Robotics, a Universidade de Memphis e o Robotics Research Institute (ARRI) da Universidade do Texas em Arlington.

O andróide 'Phil', como é chamado por seus criadores, se utiliza de câmeras para visualizar os visitantes e mexe o rosto na direção de quem fala com ele. Ele se utiliza de softwares de reconhecimento e simulação da fala, podendo assim ouvir, interpretar e responder, graças também a inteligência artificial, mantendo assim um diálogo natural com os visitantes.



Um projeto sem precedentes, mesclando alta tecnologia e arte para recriar a persona do autor, através de fatos de sua vida e obra. Ele ainda é capaz de identificar pessoas numa multidão, aumentando ainda mais a sensação de se estar diante de uma criatura inteligente.

Phil ganhou diversos prêmios, chamando a atenção da mídia sobre ele. Desde que deixou os laboratórios, se apresentou em diversos programas de televisão e feiras de tecnologia.

Conhecendo a obra de PKD, torna-se uma escolha óbvia homenagear o autor de FC que mais se preocupou e explorou as diferenças e relações entre homens, androídes, questionando aquilo que verdadeiramente nos torna humanos. Alguns de seus personagens eram andróides que pensavam ser gente e em outros era impossível se dizer quem era quem. Dick sempre foi fascinado pela possibilidade (por vezes assustadora) de máquinas pensantes humanoídes.

O projeto é um tributo a este escritor visionário.


Infelizmente no começo de 2006, durante uma viagem para San Francisco, California, onde o andróide faria uma apresentação especial para os empregados do Google, o andróide foi roubado e se encontra até o momento desaparecido.


(email para contato: pkd@pkdandroid.org)