segunda-feira, 29 de junho de 2009

Como não funciona a ficção científica


Luke Skywalker lidera uma esquadrilha de caças X-wing em um ataque à Estrela da Morte do Império. Os caças espaciais ziguezagueiam ao longo da gigantesca nave, sob fogo cruzado de armas laser. Luke faz acrobacias mirabolantes, dispara suas armas e lança um míssil no tubo de ventilação - BUM! Adeus Estrela da Morte.

Cenas como essa, de "Star Wars: Episódio IV", são típicas de filmes de ficção científica.

Os efeitos e a movimentação toda criam uma grande experiência cinematográfica, mas há base científica nisso tudo?

As espaçonaves poderiam realmente voar daquele jeito?

Os disparos de laser seriam visíveis?

A explosão ensurdecedora produziria mesmo som?

Deveríamos nos importar com esses detalhes?



Craig Freudenrich. "HowStuffWorks - Como não funciona a ficção científica". Publicado em 20 de julho de 2006 (atualizado em 08 de abril de 2008)