domingo, 21 de novembro de 2010

Anne Rice



Anne Rice, batizada Howard Allen O'Brien, (4 de Outubro de 1941) nasceu em Nova Orleans, Louisiana (EUA) e é autora de inúmeros livros de temática sobrenatural e de terror.

O nome ‘Anne’ foi escolhido por ela mesma, ao entrar na escola (Redemptorist Catholic School). Aos 15 anos perdeu a mãe, que sofria de alcoolismo, e 2 anos depois, sua família (com o pai novamente casado) se mudaria para Richardson, subúrbio de Dallas, Texas, onde conheceu seu futuro marido, o pintor Stan Rice.
Cursou dois anos na Texas Woman's University e já casada e morando na Califórnia, se formou pela San Francisco State em Creative Writing (Escrita criativa).

Os primeiros anos da vida de casada de Rice foram conturbados. Além das muitas dificuldades financeiras enfrentadas pelo jovem casal, sua primeira filha Michele viria a falecer de leucemia.

Neste período ela escreveria um conto "Interview With the Vampire" (1976), como parte de seus estudos, e que logo viria a tornar-se um romance (escrito em uma semana), após receber uma proposta de 12 mil dólares de adiantamento pelo trabalho.

As excepcionais vendas para um autor desconhecido, imediatamente catapultaram o valor de seus próximos contratos para outros livros que explorariam o mesmo universo do primeiro. Recebeu 150 mil dólares por “The Vampire Lestat”, e no auge da fama, 5 milhões de dólares por “The Witching Hour”. A venda dos direitos da saga “Vampire Chronicles”, lhe renderam mais 17 milhões, tornando-a um dos cinco escritores mais bem pagos da America.

Rice foi responsável por cristalizar os vampiros modernos como indivíduos atormentados, com defeitos e sentimentos semelhantes aos seres humanos. A eternidade destes seus vampiros é quase sempre tratada como um fardo indesejado, além de misturar boas doses de sexo e morte.

Rice disse: “Para escrever algo, você tem que correr o risco de fazer papel de bobo.Meu vampiro é brilhante, deslumbrante, quebra regras e ao mesmo tempo é estranho. Vive uma existência em um plano acima do nosso e é muito sedutor. Ele também é alguém capaz de satisfazer todos os seus desejos. Vivemos em um mundo FedEx, chamadas de longa distância e faxes. Podemos nos acordar em Nova York e ir dormir em Paris. Os vampiros são super ampliações de nós mesmos, da maneira como nos sentimos poderosos. Sempre fizeram parte da nossa cultura. Sempre existiram superstições em torno da morte e do sepultamento na Europa Ocidental e da idéia de que um morto possa voltar à vida. Quando você escreve uma história sobre o bem e o mal com um vampiro, você está de volta à Renascença, é uma figura tão poderosa como Deus e o Diabo. O que eu adoro nisso é que meus leitores entendem meus livros. Nós nos assustamos com o que nos torna diferentes.”

Quando “Interview with the Vampire” chegou às telas dos cinemas em 1994, através do diretor Neil Jordan e com Tom Cruise na pele do vampiro Lestat, Rice se disse decepcionada com o resultado e com a escolha do ator. O segundo filme baseado nesta saga, “The Queen of the Damned” (“A Rainha dos Condenados” de 1988), foi além, adaptando livremente passagens do romance homônimo, o que acarretou numa forte descaracterização da trama original.

Após o falecimento de seu marido em 2005, Rice declarou que deixaria de escrever sobre vampiros e bruxas, dedicando-se a uma linha de fantasia histórica religiosa. Seu livro seguinte, “Christ The Lord: Out of Egypt”, é sobre a vida do menino Jesus.

Esta variedade de estilos não é novidade. No passado Rice também escreveu sob pseudônimos (Anne Rampling e A.N.Roquelaure) experimentando outros temas, como seus romances ‘Violino’(1996) e ‘Chore para o Céu’(1982), ambos abordando a música como centro da trama.

Rice, que sofre de diabetes, tem um filho e a irmã, também escritores, e mora hoje em uma mansão luxuosa no meio do deserto da Califórnia, onde coleciona sapatos e se dedica no momento a escrever uma trilogia sobre anjos.

Sobre esta guinada em sua carreira, declarou: “Os romances evoluem, assim como a fé evolui. Nossa jornada espiritual sempre vai nos levar para novos lugares. Nós, escritores, precisamos fazer com que nosso trabalho seja um reflexo de nossas obsessões. Do contrário, nosso trabalho não será bom.“

"The Vampire Lestat" está sendo adaptado para se tornar um musical da Broadway, com canções escritas por Sir Elton John e mais recentemente Rice assinou contrato com a produtora de vídeolivros Vook para uma edição multimídia do seu conto "O senhor de Rampling Gate".

Site oficial

Anne Rice ( A Hora das Bruxas, Entrevista com o vampiro, O vampiro Lestat, A Rainha dos Condenados I e II, A História do ladrão de corpos, Mennoch, Vampiro Armand, Merrick, Sangue e Ouro, A fazenda Blackwood, Cântico de Sangue, Pandora, Vittorio o vampiro, O senhor de Rampling Gate, O servo dos Ossos, Violino, Beauty's release, Belinda, Blood and Gold, Entrevista con el vampiro, Exit to Eden, Interview with the vampire, Julian of Norwich, Lasher, Lestat el vampiro, Mennoch the Devil, Pandora, Queen of the Damned, Servant of the bones, Beauty's punishment, The Claiming of the Sleeping Beauty, The Witching Hour, Taltos, The Mummy, The Tale of Body Thief, The Vampire Lestat, Vampire Armand, Blackwood Farm, Violin, Vittorio ) [ Download ]