sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Modern Mechanix


O futuro do passado, é o que você vai encontrar neste blog.

Separados por temas, estão matérias antigas publicadas em revistas americanas, como a Mechanix Illustrated, que durante décadas trouxe em suas páginas, as "últimas maravilhas da ciência e da tecnologia".

'Como será a vida no ano 2008?' ( edição de Novembro de 1968.)

40 anos no futuro


São 8 da manhã. terça-feira, 18 novembro, 2008 e você está indo para uma reunião de negócios distante quase 500 quilômetros.

Você entra em elegante automóvel para dois passageiros sobre almofada de ar, pressiona uma seqüência de botões e o computador de tráfego nacional regista o seu destino, descobre a situação do trânsito atual e os sinais do seu carro, enquanto desliza-o para fora da garagem.

Com as mãos livres, você se senta e começar a ler o jornal da manhã que brilha em uma televisão de tela plana sobre o painel do carro. Batendo num botão você muda a página.

O carro acelera a 240 km/h nos subúrbios da cidade então alcança 400 km/h em áreas menos povoadas, deslizando sobre a estrada de plástico liso.

Você passa rápido por uma série de cidades, muitas delas cobertos por cúpulas novas que as mantêm climatizadas o ano todo.

O tráfego é pesado mas não há necessidade de se preocupar. O computador de tráfego que alimenta e recebe sinais de todos os veículos em trânsito entre as cidades, mantém os veículos pelo menos 45 metros distantes. Não houve um acidente desde que o sistema foi inaugurado.

De repente o telefone-tv vibra. Um colega de trabalho quer um esboço de um novo tipo de rotor que sua empresa está lançando para embarcações esportivas. Você desenha o diagrama com um lápis infravermelho fino no que se parece com uma tela de TV. O diagrama é transmitido para uma tela semelhante no escritório do seu colega a 300 Km dali.
Ele aperta um botão e uma cópia do esboço rola para fora do dispositivo. Ele deseja-lhe boa sorte na reunião e assina.


Noventa minutos depois de deixar a sua casa, você deslize por baixo da cúpula da cidade de destino. Desacelera seu carro e vai para um prédio de escritórios, onde você vai encontrar os seus colegas. Depois de sair, o próprio veículo estaciona sozinho em uma garagem municipal conveniente para aguardar o seu retorno. Os automóveis particulares são proibidos dentro da maioria das cidades. Calçadas rolantes e trens elétricos levam o público de um local para outro.

Com a população dos EUA tendo subido para 350 milhões em 2008, o transporte é um dos fatores mais importantes para manter a economia funcionando sem problemas. Gigantescos pontos de distribuição de transporte, chamados modemixers, estão localizadas de 15 a 50 quilômetros fora dos principais centros urbanos. Trens de metrô empurrados por meio de ar comprimido, fazem a viagem entre modemixer e o centro da cidade de 10 a 15 minutos.

Uma característica importante da maioria dos modemixers é a rampa de lançamento a partir do qual foguetes para 200 passageiros decolam para outros continentes. Para viajantes não tão abastados, há os SST, aviões hipersônicos que transportam 200 a 300 passageiros a velocidades de até 6.500 km/h. Viagens curtas entre cidades a menos de 2.000 km são feitas por jumbo-jets mais lentos.


As habitações na sua maior parte são montadas a partir de módulos pré-fabricados, que podem ser adaptados a uma configuração que melhor se adapte a necessidade do dono da casa. Depois que a fundação está feita, são anexos os módulos que compõem um ou dois ou três quartos da casa, um trabalho que não leva mais do de um dia. Essas casas modulares facilmente pode ser expandidas para acomodar uma família em crescimento. Um presente de casamento para os noivos, típico do século 21, é um quarto totalmente equipado, cozinha ou sala de estar.

Outras conveniências acompanham a cozinha. A dona de casa simplesmente determina antecipadamente seus menus para a semana, depois coloca as refeições pré-prontas no congelador e deixa o utilitário automático par aaliemntos fazer o resto. No tempo predefinido, cada refeição vai ao forno de microondas e é cozido ou descongelado. A refeição em seguida é servida em pratos de plástico descartáveis. Os pratos assim como facas, garfos e colheres do mesmo material, são tão baratos que podem ser descartados após o uso.
As casas dos anos 80 praticamente se auto-mantêm. Precipitadores eletrostáticos limpam o ar e climatizadores mantem a temperatura e umidade em ótimos níveis. Os robôs estão disponíveis para fazer serviços domésticos e outras tarefas simples. Novos materiais para revestimento de interiores são auto-limpantes, nunca descascam ou se partem.

O item mais importante da casa em 2008 é o computador. Estes cérebros eletrônicos regulam tudo, desde a preparação da refeição, acordar as pessoas da casa, montar listas de compras e manter controle do saldo bancário. Sensores em equipamentos de cozinha, unidades de climatização, comunicadores, alimentação e outras utilidades domésticas, avisam o computador quando o item irá provavelmente falhar. Um homem responsável pelo reparo irá aparecer antes mesmo de qualquer aparelho deixar de funcionar.

Os computadores também processam reservas de viagens, mensagens de telefone, mantem o controle de aniversários, calculam impostos e até mesmo a fatura mensal de eletricidade, água, telefone e outros. Nem toda família tem seu computador particular. Muitas famílias fazem uso de um computador regional na cidade para suas necessidades. A máquina registra os seus serviços e apresenta uma conta, tal como acontece com outros utilitários.


O dinheiro ainda existe mas desapareceu de vista.
Empregadores depositam os salários diretamente nas contas de seus funcionários. Cartões de crédito são utilizados para pagar todas as contas. Cada vez que você comprar algo, o número do cartão é registrado no computador da loja. Um computador mestre então deduz a o valor da compra de seu saldo bancário.

Computadores não só mantêm o controle do dinheiro, eles fazem também que gastá-lo seja mais fácil. Compras pelo telefone-tv são comuns. Para comprar, basta pressionar o código de um shopping center gigante. Você aperta outra combinação para o departamento e a mercadoria na qual você está interessado. Quando você vê o que você quer, você aperta um número que significa "comprar", e o computador doméstico assume, emite o pedido, passa o endereço de residência e subtrai o preço de compra do seu saldo bancário. Grande parte das compras da família é feita desta forma. Em vez de ser empurrado numa multidão, os clientes eletronicamente tem acesso a mercadoria de qualquer número de lojas.



As pessoas têm mais tempo para atividades de lazer no ano de 2008. A jornada de trabalho média é de cerca de quatro horas. Mas a hora extra não é totalmente livre. O ritmo do avanço tecnológico é tal que uma certa quantidade de tempo livre, é usado em manter-se atualizado, em média, cerca de duas horas de estudo em casa por dia.

A maior parte deste estudo está na forma de cursos por TV, que podem ser alugados ou emprestados de bibliotecas de fitas. Na verdade a maioria dos estudos, a partir de primeiro grau até a faculdade, consiste em cursos ou palestras por TV, via circuito fechado. Estudantes visitam campus uma vez ou duas vezes por semana para consultas pessoais ou para o trabalho de laboratório que tem que ser feito no local. O progresso de cada aluno é acompanhado por computador, que atribuem datas para as provas dadas ao longo do tempo.

Além de aulas escolares, outros materiais didáticos estão disponíveis para se ver pela televisão. Basta pressionar uma combinação de botões e as páginas surgem na sua tela inicial. A informação do mundo está disponível para você quase que instantaneamente.

As telas de TV cobrem uma parede inteira na maioria das casas e em cor e três dimensões. Além da programação da TV a a multiplicidade das opções comerciais, você pode ver shows da Broadway, filmes de sucesso e musicais pelo preço da atração.Os livros mais vendidos estão em fita de TV e podem ser emprestados ou alugados em bibliotecas de fita.


Umas férias típicas em 2008, é passar uma semana em um resort submarino, onde a janela do quarto de hotel tem vista para um recife tropical subaquático, um navio naufragado ou uma cidade antiga escavada no fundo do mar. Disponível para os clientes estão os submarinos para duas ou três pessoas, em que você pode cruzar por trilhas bem demarcadas debaixo d'água.

Outra opção para as férias é uma estadia em um satélite hotel. O passeio de foguete de ida e volta ao satélite, mais a vista da Terra e da Lua, compõe um passeio de férias memorável.

Enquanto a vida da cidade em 2008 mudou muito, a da fazenda mudou ainda mais.
Os agricultores se tornaram executivos de negócios executando operações como nas fábricas automatizadas. TV-scanners monitororam tratores e outros equipamentos informatizados, programados para o arar, semear e colher. Fios embutidos no chão enviam sinais de controle para as máquinas. Os computadores também acompanhar o rendimento, fertilização, composição do solo e outros fatores que influenciam as culturas. No início de cada ano, um impresso diz ao agricultor oque plantar, onde, quanto deve fertilizar e qual o rendimento que ele pode esperar.

A agricultura não se limita à terra. marinoculturistas transformaram áreas do mar em leitos de algas marinhas ricas em proteínas. Essa matéria-prima é transformada em alimento que parece e tem gosto de bife e outras carnes. Ele também é barato, e as famílias podem ter bife para as refeições, duas vezes por dia, sem sentir um aperto no orçamento. Áreas em baías ou perto da costa foram transformadas em fazendas de camarão, lagosta, mariscos e outras culturas, como era feito com o gado antigamente.



A investigação médica garantiu que a maioria dos bebês nascidos no século 21 vai viver vidas longas e saudáveis. Doenças cardíacas foram praticamente eliminadas pelo uso de drogas e dieta. Se o coração ou outros órgãos importantes dão problemas, eles podem ser substituídos por órgãos artificiais.

Os exames médicos são uma questão de sentar em uma cadeira de diagnóstico por um minuto ou dois e depois receber um relatório da saúde integral. Microfones ultra-sensíveis e sensores eletrônicos no encosto de cabeça, a cadeira de braços captura batimentos cardíacos, pulso, freqüência respiratória, resposta galvânica da pele, pressão arterial, reflexos nervosos e outros sinais médicos. Um computador ligado à cadeira digere estas respostas, comparando-as com o padrão normal e imprime um relatório médico completo.

Não precisa se preocupar com a falta de memória ou de inteligência também. A pílula de inteligência é outra comodidade do século 21. Para alunos lentos ou pessoas atingidas com o esquecimento, são dados comprimidos que aumentam a produção de enzimas que controlam a produção de substâncias químicas conhecidas por controlar a aprendizagem e a memória.
Assim todo mundo é capaz de usar seu potencial mental plenamente.

Apesar do fato de que o ano de 2008 está apenas 40 anos à frente, "tanto à frente como 1928 esteve", será um mundo tão estranho para nós, como o nosso tempo (1968) seria para os peregrinos.
Por James R. Berry


Modern Mechanix blog