sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Entrevista com Max Brooks, especialista em zumbis




Max Brooks, escritor e proeminente perito em mortos-vivos, vive em Nova York, mas está pronto para ir para um local mais remoto e defensável a qualquer momento.

Pergunta: Como você foi se interessar por zumbis e onde você fez seus estudos?

Max Brooks: Eu acho que o conceito de zumbis, cadáveres animados com nenhum outro objetivo senão o de devorar carne humana, sempre mexeu comigo. Minha pesquisa se serviu de uma grande variedade de fontes, de viajar para outros países, web, antigos textos esquecidos e de minhas próprias experiências particulares.

Pergunta: Como pode um leigo como eu, distinguir entre um zumbi e um burocrata?

Max Brooks: Simples, um zumbi vai tentar comer você, um burocrata vai tentar estragar o seu dia.

Pergunta: Adorei o livro (Zombie Survival Guide), muito divertido. Você mencionou nele um surto em 1965, em Montana (eu acho), mas não está listado nas seções de focos registrados. Por que?

Max Brooks: Eu coloquei um no topo de cada capítulo, para ilustrar um ponto (armas, defesa, fuga, ataque), mas não incluí-los depois, porque eu simplesmente não queria ser redundante .Fico feliz que tenha gostado do livro. Eu espero que você nunca tenha que usá-lo.

Pergunta: O que os zumbis fazem durante o dia?

Max Brooks: Atacam e matam, assim como a noite. Uma das razões que me assustam tanto é que eles não tem qualquer regulamentação.

Pergunta: Eu acho que qualquer ataque iminente será precedido por algum tipo de música. Para que músicas em especial eu deveria prestar atenção? Agradeço antecipadamente, na esperança de sobreviver, pelo menos o tempo suficiente para ler a sua resposta.

Max Brooks: Eu acho que se o seu rádio começar a tocar muito 'We interupt this broadcast' (Interrompemos esta transmissão - uma banda de rock americana), ou 'this is only a test' (Este é apenas um teste - uma música da banda Pennywise) ou simplesmente estática, é uma boa dica.

Pergunta: Se um Ph.D. e um cara que abandonou a escola, são transformados em zumbis, simultaneamente, o professor irá manter alguma inteligência? Em outras palavras, zumbis têm um QI variável ou é tipo 'modelo único'? Estou apavorada com a idéia de um zumbi me atacar enquanto discute por exemplo, Lacan, Mirror Stage.

Max Brooks: Lamentavelmente os zumbis são completamente desprovidos de inteligência. Se assim fosse, poderíamos comunicar-nos com eles, controlá-los, confundi-los, suborná-los. Infelizmente o cérebro zumbi tem apenas um programa em execução: Comer, comer, comer.







Pergunta: Eu tenho uma serra para trabalhos manuais, uma sandália de salto fino e um cortador de grama (para crianças). Como faço para me proteger?

Max Brooks: Esqueça a serra, tire o salto, jogue o cortador nos zumbis, e saia correndo!

Pergunta: Eu tenho uma Remington 870 calibre 12 na minha casa, carregada com chumbinho. Quantas balas deste tipo são necessárias para derrubar um zumbi em média? Assistindo Evil Dead (e usando o game Doom como guia), você diria que estou preparado contra os mortos-vivos, ou devo também manter algum tipo de água benta ou outras coisas também? Além disso, sou um aluno do primeiro ano de direito da Universidade Duke, é possível matar um zumbi lendo para ele um processo civil?

Max Brooks: O problema com chumbinho é que você vai ter que chegar muito perto para a penetração do crânio. Se você está decidido a furá-lo, eu usaria balas sólidas, um extensor de cano e uma mira laser.

Pergunta: Eu só assisti 28 Days Later. Parece que a resposta britânica a este tipo de invasão zumbi estava toda errada. Como você teria tratado esta situação? Poderia a propagação ter sido eficazmente mais controlada?

Max Brooks: Os zumbis em "28 Days", não eram realmente zumbis (não estavam tecnicamente mortos). Acho que o termo científico para eles é "crazies" (loucos). O bom disso é que eles morrem como seres humanos normais. Atirar-lhes no peito, facadas no coração, atropelá-los com o carro. Ou como no filme, fazendo com que morram de fome, parece ser uma solução muito boa.

Pergunta: Queiramos ou não, a maioria de nós irá precisar entrar em combate corpo a corpo com um zumbi em algum momento de nossas vidas. No entanto, parece não haver consenso quanto a melhor maneira de combater zumbis. George Romero claramente pensa que a resposta é um tiro de espingarda na cabeça, enquanto Lucio Fulci parece acreditar que você só pode derrotar um com o fogo. Qual é a melhor maneira de se eliminar um zumbi?

Max Brooks: Isso é bastante discutido hoje em dia. Pessoalmente eu iria com a solução de Romero. Tenha cuidado com o fogo, porque, como todos sabemos, leva um tempo para queimar um corpo humano até as cinzas. Nesse momento, tudo o que toca um zumbi em chamas poderia se inflamar também. Nunca utilize o fogo se você estiver dentro de casa.




Pergunta: Eu odeio o uso do termo "zumbi" para se referir aos mortos-vivos. Um zumbi é um termo muito específico, utilizado em algumas culturas do Caribe, para se referir a essas pessoas a quem são dadas certas drogas, cerimonialmente enterrados vivos e, em seguida, removidos de seus túmulos (ainda vivos, mas por causa das drogas, acreditando que estão mortos e sem vontade própria) para serem utilizados como escravos. Romero não usa o termo "zumbi" (Fulci sim), ele prefere "morto-vivo". Pessoalmente eu prefiro 'ghoul' (monstro canibal da mitologia árabe antiga), como termo mais preciso para o morto que come a carne dos vivos. Por que acha que 'zumbi' tornou-se o termo mais comum?

Max Brooks: Boa observação. Eu fico relutante também em utilizar este rótulo, culturalmente inadequado. Entretanto, como a maioria tem pouco ou nenhum conhecimento sobre mortos-vivos, o termo "zumbi" ainda é a palavra mais reconhecível. Tenho ouvido muitas teorias sobre por que a palavra ganhou preferência sobre os termos semelhantes, como ghoul ou morto-vivo. Essas teorias vão desde a presença de vodu na América (ainda estaria presente no subconsciente coletivo) ou sua utilização em filmes populares, até o simples fato de que "zumbi" possui um som exótico, de algum modo mais assustador do que "vampiro".

Pergunta: Eu tenho ouvido dizer que zumbis são desprovidos de inteligência, mas tenho visto ocasionalmente provas em contrário. Como você pode, por exemplo, explicar zumbis usando machados ou outros instrumentos? Isto certamente indica alguma inteligência residual na retenção do conhecimento do uso da arma. Você não concorda?

Max Brooks: Eu tenho ouvido também, mas não estou certo de que eu acredito. Isso não significa que eu desconsidero tais informações.

Pergunta: Você pode esclarecer as diferenças entre zumbi, fantasma, vampiro e ghoul - termos diferentes para os mortos-vivos. Eu acredito que eles variam, pelo menos, em termos de estilo de vida e preferências culinárias. Além disso, na tradição da Europa Oriental, temos alguns mortos-vivos, especialmente os vampiros, devido a falta de uma alma, seus corpos não podem entrar em um cemitério cristão (porque a terra sagrada os rejeita). Obrigado e Feliz Dia das Bruxas.

Max Brooks: Esta é uma questão complicada. Acho que devemos ser mais precisos para melhor ilustrar as diferenças entre os mortos-vivos. Os zumbis que abordo no meu livro são corpos humanos que foram reanimados por um vírus, não têm inteligência para falar e andam a procura de carne humana para se alimentar. Estes zumbis não morrem, não por algum tempo, pois a natureza tóxica do vírus repele a maioria das bactérias (incluindo aquelas que ajudam na decomposição de seus corpos).

Pergunta: Você acha que devemos ter em casa kits contra zumbis? Se assim for, o que devem ter esses kits?

Max Brooks: Sim, definitivamente. Ter um kit é obrigatório para todos os lares. Meu livro contém listas de vários kits (defesa, fuga, ataque). Um kit básico de sobrevivência zumbi pode ser encontrado na Amazon com dez itens que você precisa. Acho que a coisa mais importante a lembrar é, não economize nos detalhes. Ter sempre uma garrafa de água a mão (zumbis não desidratam, mas você sim!), E se você está fugindo em terreno molhado, frio, tenha sempre meias secas extras (mais uma vez, os zumbis não sentem frio nos pés, mas você talvez sinta).

Pergunta: Qual peça de literatura mencionou os zumbis pela primeira vez? Como o conceito de zumbis mudou ao longo do tempo?

Max Brooks: Cada cultura tem sua própria versão dos mortos voltando à vida. O zumbi clássico que conhecemos hoje (cadáveres saindo da sepultura para comer carne humana) surgiu pela primeira vez para o público, com George A. Romero em "Night Of The Living Dead". Desde então, a cultura pop-zumbi transformou-se de muitas formas. Você sabe, tem "Os comedores de cérebros", "Zombie Dogs (de Resident Evil)", "Crimson Heads". Eu mesmo ouvi falar de um filme que tem aves zumbis, embora eu não tenha visto ainda.

Pergunta: Se um zumbi é cortado em pedaços, cada uma das partes ainda tenta te pegar ou é o fim? Além disso, eles caçam em bandos ou geralmente por conta própria?

Max Brooks: Dois pontos importantes. Não, as partes de um zumbi não vão voltar a ficar juntas, mas a cabeça, se ainda estiver intacta, continuará a olhar para você e deve ser destruída. Além disso, o corpo do zumbi deve ser enterrado ou incinerado, assim como qualquer carne podre, seja de humanos, zumbis ou outros. É um sério risco a saúde.

Pergunta: Além de escrever este livro, o que mais você está fazendo para passar sua mensagem? Você já falou com o Presidente? A ONU?

Max Brooks: Eu tenho tentado, mas por alguma razão, a Casa Branca e a ONU não retornam minhas chamadas. Eu estou fazendo uma turnê de palestras em várias universidades americanas e parece estar indo tudo bem entre os estudantes.





Pergunta: Notei em seu site - muito informativo - um facão e uma carabina M1. Seriam estas sugestões ou apenas é desinformação do marketing da Random House? Penso que uma arma com um projétil mais potente (por exemplo: a Remington 870 ou a excelente Flammenwerfer) e ter por perto um bastão de basebol ou uma pá de coveiro, seriam instrumentos muito mais apropriados.

Max Brooks: Eu acredito que tanto o facão e a carabina M1 podem ser excelentes armas anti-zumbi. A carabina M1 é claro, precisa que esteja muito perto (se um zumbi está mais longe do que 100 metros, não é uma ameaça). Eu acho o facão apropriado, por razões semelhantes. É leve, forte, fácil de manusear, e o mais importante, quando for comprar um, você saberá que está pronto, ao contrário de uma espada samurai, que pode ser apenas para decoração.

Pergunta: Max, estou ansioso para ler seu livro. Entretanto estou surpreso que ninguém parece ter mencionado o método de defesa usando moto-serra (a la Bruce Campbell em Evil Dead). Você considera esta uma arma eficaz? E também, o que você recomenda quanto a ter armas em quartos de crianças menores de 6 anos?

Max Brooks: Eu tenho perguntado muito sobre a serra, e minha resposta padrão é essa: Não usá-la! A moto-serra é pesada, perigosa para o usuário, e precisa de combustível ilimitado. Há um monte de armas boas por aí.

Pergunta: O quanto forte/ágil são os zumbis? Nos filmes parecem não serem ágeis, embora a maioria parece razoavelmente forte. Parece que mesmo se a sua agilidade for pouca e sua força for normal, eles realmente não representam uma grande ameaça.

Max Brooks: Você tem razão, os zumbis são tão fortes como nós e muito menos ágeis. No entanto, eles não se cansam. Isto é importante porque eles são capazes de executar uma tarefa, digamos, batendo em uma porta, até que a porta se desfaça.

Pergunta: Eu nunca tive medo de zumbis, especialmente quando comparados com outras espécies de mortos-vivos. Na verdade, tampas de bueiro explodindo me assustam mais. Zumbis parecem lentos e pouco inteligentes. Posso estar subestimando o perigo e acabar tendo uma surpresa desagradável? Devo proteger meu cubículo?

Max Brooks: Muitos zumbis não parecem assustadores e naturalmente é um dos maiores problemas. Eles são lentos, eles são "burros", eles não aparecem uma grande ameaça. Precisam apenas que você tenha esta 'sensação de segurança'. Pense nisso como a tartaruga e a lebre, só que nesta história, a lebre pode ser comida viva pela tartaruga.

Pergunta: O que você sabe sobre possíveis aplicações militares para os zumbis? Parece que eles poderiam ser alternativas práticas (já que estão mortos, ou mortos-vivos, ou o que for) para alguns dos cenários de guerra atuais. Podem os zumbis servirem como soldados?

Max Brooks: Como cidadão não estou a par de informações sobre o uso militar de zumbis ou o vírus zumbi. No entanto, se há alguma coisa neste mundo que possa ser utilizado para ameaçar a humanidade, pode ser que, em algum lugar, alguém esteja tentando transformá-lo em uma arma.

Pergunta: Existe algum tipo de inoculação que eu possa começar agora mesmo a usar para me proteger das bactérias, e me prevenir de me transformar em um zumbi depois que eu morrer?

Max Brooks: Infelizmente não. Não há cura conhecida para o vírus zumbi. A melhor defesa é evitar todo o contato possível.

Pergunta: Eu pensei que zumbis só comessem cérebros, mas você disse carne humana.Huh?

Max Brooks: Eu sempre acreditei que zumbis comessem carne humana. Talvez eles comam cérebros, bem, talvez até mesmo uma outra parte do corpo humano. Não obstante, se um zumbi vem me atacar, assim com a boca aberta, ele vai atacar para baixo.

Pergunta: Alguma chance das tempestades solares que agora estão bombardeando o planeta Terra, façam com que os mortos se levantem de seus lugares de repouso e procurem carne viva? Talvez amanhã à noite?

Max Brooks: Essa é uma pergunta interessante, e achei bastante assustadora. Obrigado pela falta de sono à noite.

Pergunta: Vou soldar barras em todas as janelas do meu Ford Escursion, colocar armas nos buracos,  um arado de neve espetado na frente do carro, e estou trabalhando em um mecanismo de lâminas giratórias que vão sair do carro para cortar zumbis abaixo dos joelhos quando atravessar uma turba errante de mortos-vivos. Mas aqui fica a minha pergunta: Estou pensando em cortar um buraco no teto e instalar uma tampa articulada e montar um lança-chamas lá em cima. Mas com todos os incêndios que estão acontecendo na Califórnia, estou preocupado que com o vento, acabe fazendo mais mal do que bem. Se eu for contra uma multidão de zumbis famintos por carne humana, e usar o lança-chamas sobre eles, eu vou apenas estar criando um enxame de fogo errante? Quanto tempo pode um zumbi em chamas vagar por ai, antes de desmoronar?

Max Brooks: Você respondeu sua própria pergunta. Sim, o fogo é um aliado perigoso. No entanto, cortar um furo na parte superior do seu veículo, é sempre uma boa idéia. Se você sofrer um acidente, ou estiver preso no carro, você sempre pode escapar pelo teto.

Pergunta: Eu chamo as pessoas que não concordam comigo de zumbis, posso estar certo afinal?

Max Brooks: Enquanto você não atacá-los com um facão, sinta-se livre para discordar tanto quanto você quiser.

Pergunta: Tenho certeza que há algumas pessoas no meu trabalho que posso contar para apoiar-me quando ocorrer um ataque de zumbis. É uma equipe forte. Quanto aos outros... seria errado usá-los para criar uma distração?

Max Brooks: Eu sempre digo 'Se organize antes que seja tarde!' A razão pela qual os seres humanos tenham passado a uma posição dominante sobre o planeta, é a nossa capacidade de cooperar. Tente não enfrentar zumbis sozinho. Conte com a ajuda de um amigo, comece um grupo de sobrevivência-zumbi. Faça reuniões periódicas, delegue responsabilidades. Uma equipe forte, de 5 de seres humanos, dá conta de mais de um milhão de zumbis desorganizados.

Pergunta: Vou fazer uma pergunta genérica. Como você conseguiu as ideias para este livro? O tema é ótimo e interessante. Uma pergunta agora sobre protecção contra zumbis... O Dia das bruxas é o dia certo para os zumbis sairem?" E como posso identificar um? Obrigado.

Max Brooks: Esta é a época do ano mais perigosa, pois pessoas podem ser confundidas com zumbis. Vamos ter cuidado lá fora, pessoal. Se você ver alguém tropeçando e gemendo, e sentir um cheiro desagradável, e talvez até mesmo tentando morder alguém, pode não ser um zumbi. Pode ser apenas um bêbado tentando chegar em casa.

Pergunta: Por que o jornal Washington Post insiste em enfiar todos os relatos de ataques de zumbis na última página, quando claramente a necessidade de estar preparado é tão óbvia? O interesse deles é manter-nos desinformados sobre zumbis?

Max Brooks: Eu sempre disse, o primeiro dever de qualquer governo é a preservação da Lei e da Ordem. Imagine com o que o nosso governo vai ter que lidar se admitirem os zumbis lá fora... Eu certamente não quero ter que pagar um imposto-zumbi, para manter-me seguro, quando nós, como cidadãos, podemos fazê-lo por conta própria.

Pergunta: Existem atualmente celebridades zumbis que nós simplesmente não reconhecemos como mortos-vivos?

Max Brooks: Eles podem não ser zumbis, mas isso não significa que são humanos.

Pergunta: Muito engraçado. Você está brincando, certo?

Max Brooks: Ria agora, sobreviva mais tarde! Obrigado a todos pelas perguntas. Eu gostaria de ter mais tempo para responder a todas elas. Você pode escrever para mim, zombiesurvivalguide.com. Se organizem antes que seja tarde!

Washingtonpost.com - outubro/2003