quinta-feira, 29 de março de 2012

A narrativa mitológica de Joseph Campbell em Blade Runner




SUMÁRIO

Dedicatória       
Agradecimentos       
Epígrafe       
Resumo       
Abstract       
Sumário       

INTRODUÇÃO       
1 JUSTIFICATIVA/VALIDADE DO TRABALHO       
1.1 Ligação com a comunicação       
1.2 Ligação com o cinema       
1.3 A razão da escolha de Blade Runner como objeto       
1.4 Objetivo Geral       
1.5 Objetivos Específicos       
1.6 Hipótese       

2 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA       
2.1 Narrativa       
2.1.1 Narrativa fílmica       
2.2 Mito       
2.2.1 Jung       
2.2.2 Campbell e Jung       
2.2.3 A linguagem simbólica       
2.2.4 O mito do herói em Campbell       
2.2.4.1 As etapas do mito do herói em Campbell       
2.2.4.1.1 Separação ou Partida       

A) O chamado à aventura       
B) A negativa ao chamado       
C) A ajuda sobrenatural       
D) A passagem pelo primeiro umbral       
E) O ventre da baleia       

2.2.4.1.2 Provas e vitórias da iniciação       

A) O caminho de provações       
B) O encontro com a deusa       
C) A mulher como tentação       
D) A reconciliação com o pai       
E) A apoteose       
F) A última graça ou o prêmio final       

2.2.4.1.3 O Regresso e a reintegração à sociedade       

A) A negativa ao regresso       
B) A fuga mágica       
C) O resgate do mundo exterior       
D) A passagem pelo umbral de regresso       
E) A posse dos dois mundos       
F) Liberdade para viver       

2.3 Homens e máquinas       
2.3.1 Limitações da reflexão pretendida       
2.3.2 Uma brevíssima história da máquina na narrativa       
2.3.3 O Teste de Turing       
2.3.4 O ELIZA       

3 METODOLOGIA       
3.1 O paradigma indiciário       
3.1.1 Morelli e Freud       
3.2 Análise textual       
3.3 A articulação de análise para Blade Runner       
3.3.1 Decupagem       
3.4 Limitações       

4 ANÁLISE DOS RESULTADOS       
4.1  Análise  do  filme  Blade  Runner  através  do  modelo  de  narrativa mitológica de mito do herói de Joseph Campbell       
4.1.1 Separação ou Partida       

A) O chamado à aventura       
B) A negativa ao chamado       
C) A ajuda sobrenatural       
D) A passagem pelo primeiro umbral       
E) O ventre da baleia       

4.1.2 Provas e vitórias da iniciação       
A) O caminho de provações       
B) O encontro com a deusa       
C) A mulher como tentação       
D) A reconciliação com o pai       
E) A apoteose       
F) A última graça ou o prêmio final       

4.1.3 O Regresso e a reintegração à sociedade       

A) A negativa ao regresso       

4.2 Reflexão sobre o significado de Blade Runner       
4.2.1 O Teste de Turing e Blade Runner       
4.2.2 O ELIZA e Blade Runner       

5 CONCLUSÃO       
BIBLIOGRAFIA CONSULTADA       
MEIOS ELETRÔNICOS CONSULTADOS       
VÍDEOS UTILIZADOS       
ANEXOS


A narrativa mitológica de Joseph Campbell em Blade Runner - Isaías Ribeiro [ Download ]